BRCG

Vendas no Varejo

Bottom line: As vendas no varejo frustraram, amplamente, as expectativas de mercado em dezembro. Os resultados de 2023 foram pouco afetados, mas emerge um sinal de alerta para o início de 2024. Resta saber como se comportaram os serviços, e como o governo reagirá a esta frustração. Revertendo o ganho modesto observado em novembro, as …

Vendas no varejo (2023): Frustração ao final do ano Leia mais »

Bottom line: Os resultados do varejo surpreenderam positivamente em novembro, especialmente na métrica ampliada. Houve certa melhora no tom da atividade no último trimestre de 2023, mas sem mudar, materialmente, a nossa visão de crescimento no curto prazo. Após relevante frustração em outubro, as vendas no varejo restrito avançaram +0,1% em novembro, desempenho consistente com …

Vendas no varejo (nov/23): Melhora de tom Leia mais »

Bottom line: Os resultados do varejo de outubro surpreenderam negativamente, ampliando a sensação de menor ímpeto econômico no início do 4º trimestre de 2023. As vendas no varejo restrito contraíram -0,3% em outubro, desempenho consistente com uma expansão interanual de +0,2%. Interrompendo uma longa sequência de surpresas positivas, os resultados do mês foram bastante inferiores …

Vendas no varejo (out/23): Sensação negativa Leia mais »

Bottom line: Os resultados do varejo de setembro surpreenderam positivamente, mas com enormes mudanças, para pior, na série histórica do varejo ampliado. Haverá impacto em nossas projeções de crescimento, com reavaliação quando a bateria de dados de setembro estiver completa. As vendas no varejo restrito avançaram +0,6% em setembro, desempenho consistente com uma expansão interanual …

Vendas no varejo (set/23): No Brasil, até o passado é incerto Leia mais »

Bottom line: Os resultados do varejo de agosto sugeriram alguma redução da demanda, especialmente no indicador ampliado. Combinado às divulgações recentes de indústria e serviços, emerge certa acomodação da atividade no decorrer do 3º trimestre. Seguimos projetando expansão do PIB de +2,9% em 2023. As vendas no varejo restrito recuaram -0,2% em agosto, desempenho consistente …

Vendas no varejo (ago/23): Certa acomodação Leia mais »

Bottom line: Os resultados do varejo de julho continuaram mostrando robustez nas vendas, especialmente no indicador restrito, ainda que sua composição tenha sido um pouco mais negativa do que a observada nos últimos meses. Revisamos a projeção de crescimento do PIB de 2023 para +2,6%, ainda restando algum viés de alta a ser confirmado em …

Vendas no varejo (jul/23): Robustez e reavaliação Leia mais »